A Era Retrô

05/04/2018

O famoso grupo Balão Mágico voltará aos palcos no próximo dia 2 de junho. O
grupo se apresentará com Simony, Mike e Tob, em São Paulo. O palhaço Fofão
também deve aparecer por lá! A apresentação traz uma memória afetiva para
muita gente que viveu a mágica década de 80. Mas independente dos anos 80,
vivemos uma época de nostalgia com o retorno, por exemplo, do emblemático
grupo Rouge, sucesso do início dos anos 2000.
É a volta dos que jamais foram ou seria uma pobreza artística dos dias de hoje? O
que faz esses tempos serem resgatados com tamanha força e emoção?
Não acredito em respostas fechadas para essas perguntas, como não respeito
opiniões preconceituosas de que o que temos hoje é ruim. A música brasileira tem
conquistado números impressionantes! Isso é um fato.
Arte é sempre arte e serve ao artista e ao seu público. Não há artista sem público,
nem arte sem apreciadores. Temos hoje imenso público para o que se tem.
Também notamos que há público para o retrô. Como gosto musical não se discute,
talvez não tenha que se discutir se o que existia ontem era melhor que hoje. Apenas
são épocas diferentes. O que se revive hoje não é exatamente o que se vivenciou
ontem. São formas, olhares e nuances distintas.
Provavelmente, naquela época havia críticos que diziam que as bandas de sucesso
dos anos 80 não prestavam, que o bom mesmo era a Tropicália, Bossa Nova, Jovem
Guarda. Uma coisa não anula a outra. Todas podem ser boas ou ruins e perdurar.
Quem decide isso não é a crítica, mas o tempo e quem vive esse tempo. É preciso
reconhecer que gostos diferem e é exatamente isso que gera a diversidade.
Só para rememorar: o Balão Mágico iniciou como programa infantil da Rede
Globo, formando o grupo musical. O programa durou três anos, de 1983 a 1986,
quando foi substituído pelo Xou da Xuxa.
O grupo musical lançou 5 álbuns. Emplacou muitas músicas de sucesso, sendo as
mais famosas Amigos do Peito, Superfantástico, Ursinho Pimpão, É Tão Lindo e Se
Enamora. O derradeiro fim se deu em 1986, quando Mike e Ricardinho saíram do
grupo e o quinto álbum não teve boas vendas. No entanto, até hoje, toda festa Ploc
que se respeite tem pelo menos uma canção do Balão Mágico.

Hoje é dia
da Criança Palestina

O dia
Em 05 de abril 1955, aos 80 anos, Winston Churchill renunciou ao cargo de primeiro-
ministro do Reino Unido. Conservador e estadista, ele ficou reconhecido principalmente
por sua atuação como primeiro-ministro durante a Segunda Guerra Mundial.

Observando...
Cinco notícias que, talvez, você não viu
- Temer proibirá novos cursos de medicina nos próximos 5 anos
- China retalia e anuncia taxação de 106 produtos dos EUA
- Apple trabalha em controles com gestos e telas curvas para futuro iPhone
- Fifa cria regra contra elefantes brancos na Copa
- Malu Mader é dispensada após 35 anos na Globo

Palavreando
Há pessoas especiais, há pessoas fundamentais, há pessoas até essenciais. Mas há uma
ou outra pessoa que vai além de tudo isso...

Voluntário ambientais
O Instituto Estadual do Ambiente (Inea) abriu até o dia 13 de abril inscrições para o
Programa Voluntário Ambiental. São 10 vagas para atuação no Parque Estadual dos
Três Picos, que abrange os municípios de Teresópolis, Guapimirim, Nova Friburgo,
Cachoeiras de Macacu e Silva Jardim. O edital está disponível no portal do Inea
(www.inea.rj.gov.br).

Concurso
Os interessados poderão se inscrever de segunda a sexta-feira, das 10h às 17h, na sede
do Parque Estadual, em Cachoeiras de Macacu, ou pela internet, através do link:
goo.gl/HPYQCM. Os candidatos aprovados no processo, que conta com análise
curricular, documental e entrevista, apoiarão a manutenção de trilhas do Parque,
recepção de visitantes, atividades e eventos educativos, planos de ação do parque,
organização de atividades predeterminadas, produção de relatórios e contagem de
visitantes no Parque Estadual dos Três Picos.

Intolerância religiosa
As escolas estaduais terão prevenção a intolerância religiosa em parceria com a
Secretaria de estado de Direitos Humanos. É o Programa Educação Mais Humana.
Filmes com duração de até cinco minutos e adaptados para uso nas escolas que abordam
essa temática serão exibidos e debatidos em unidades da rede pública de ensino. O
programa também fará capacitações com professores de diversas disciplinas para que
abordem, de forma pedagógica, a intolerância religiosa nas escolas.